túnel do tempo

Aos doze dias do mês de maio do ano de mil novecentos e doze, o goleiro Baena; os zagueiros Píndaro, Nery, Curiol, Gilberto e Galo; os meio-campistas Bahiano, Arnaldo e Amarante e, finalmente, os atacantes Gustavo de Carvalho e Borgerth, pisaram no gramado do Estádio da Rua Campos Sales para enfrentar o Sport Club Mangueira em jogo válido pelo Campeonato Carioca de Futebol. O time formado por estes jogadores fazia sua estreia nos gramados. Este time venceu o Mangueira por 15 x 2. Este time carregava a primeira versão do manto rubro-negro (conhecida como “papagaio-vintém”). Este time carregava o nome de Clube de Regatas do Flamengo.

Hoje o Flamengo comemora o centenário desse momento histórico. Se o momento que a Nação vive hoje não é dos melhores, talvez seja interessante voltar para a história e perceber que o Flamengo é muito maior do que ronaldos, joéis, patrícias e tantos outros que não honram o clube que dizem defender: em cem anos de futebol, o Brasil e o mundo já esteve sob os nossos pés. Está mais do que na hora de colocar estes pés rubro-negros sobre a bola que este mundo é.

Saudações Rubro-Negras!

EM TEMPO: Agradeço ao Carlos Alexandre Monteiro, do blog Mil Vezes Flamengo, por lembrar uma das datas mais importantes da história do Flamengo; e também ao Flapédia, pela escalação e informações do primeiro jogo (mesmo que o placar não bata com o informado no hotsite oficial do centenário)

Uma resposta to “túnel do tempo”

  1. Que os nossos próximos 100 anos sejam ainda mais vitoriosos, cara. 🙂 Estamos juntos! Abraços e Saudações Rubro-Negras!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: