procrastina, meu bem!

Não. Isto não é um post. É só uma reorganização mental. Então, indexemos.

1. Independentemente da culpabilidade de Thor Batista ou de Wanderson no fatídico acidente que ceifou a vida do ajudante de pedreiro, esta bela e dolorosa crônica da dura desigualdade brasileira, escrita pelo jornalista Paulo Nogueira (“Quando Thor encontrou Wanderson”), merece leitura;

2. Se, por um lado Dilma aos poucos afirma sua liderança enfrentando os encastelados no poder desde que o Brasil é Brasil, fugindo do jogo de chantagens e tentando impôr uma suposta tecnocracia; por outro, faz o jogo dos mesmos politicões acentuando o escambo político mudando ministros, acomodando partidecos e aceitando canalhices. Em resumo, faz faxina num dia e no outro abre a porta para os porcos sujarem a sala;

3. Ainda sobre Dilma, o que falar sobre sua ministra da cultura? Nada. Ou melhor, tudo. Tudo o que há de mais retrógado, despreparado e incompetente no governo Dilma pode ser sintetizado na maneira como este governo trata de duas questões: a Cultura e o Meio Ambiente. Sobre a Cultura, a audiência pública ocorrida hoje na Câmara dos Deputados fala por si só, mas destaquemos somente uma ideia propagada pela filha de Sérgio Buarque de Hollanda: “a internet irá matar a cultura brasileira”. Se por “cultura brasileira” ele considera (como seus atos à frente do Ministério fazem crer) a cultura do eixo Leblon-Jardim Botânico, baseada na política ultrapassada do copyright e dos plenos poderes do ECAD; ela está certíssima. Eu realmente não vejo diferença nenhuma, do ponto de vista formal e ideológico, entre o que acontece na Cultura e o que acontece com a política indigenista e ambiental deste governo: o anacronismo desenvolvimentista. Definitivamente, Dom Porfirio Díaz foi coroado e continua colocando “essas histéricas tradições em ordem” (assistam abaixo a “coração de Dom Porfírio Díaz a 1h43min, sintetiza em poucas palavras como somos governados neste país, desde 1500):

4. os posts continuam se avolumando na pasta de rascunhos;

5. projeto “Volta ao Mundo em 30 dias”  – edição 2012; está ganhando corpo, datas e itinerários;

6. a dieta vai muito bem, obrigado;

7. cansei dessa listinha e esqueci o que ia escrever aqui. até a próxima!

7 Respostas to “procrastina, meu bem!”

  1. parabéns pela dieta e por escrever mais. no mais, SERRA 45

  2. Thiago, excelente o trecho do Terra em Transe. De arrepiar mesmo!

    • “pela força! pelo amooooor da força! chegaremos a uma civilização!”
      cara, eu seria capaz de assistir esse filme todos os dias da minha vida. tem dias que me sinto como Paulo, tem dias que me sinto como Vieira, em outros como Díaz… mas SEMPRE sinto esse filme como a mais perfeita síntese da política brasileira. Até hoje.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: