Ser feliz é bem possível…

ataulfoitamar

Pensei em falar do Grupo Corpo, pensei em falar do pré-sal, pensei em falar de Chet Baker, pensei em falar do cartão C&A, acabei não falando de nada. É assim que minha mente funciona atualmente: falta foco, falta um desejo de transformar em palavras bem concatenadas o que sinto, o que vejo, o que penso.Enfim, chego sempre à mesma conclusão: outros já disseram o que penso, o que sinto, o que vejo melhor que eu.
E por falar nisso, não há a menor dúvida de que Itamar Assumpção é/foi um destes que melhor sintetizaram meus sentimentos, meus pensamentos… Ataulfo Alves era assim, falava com uma simplicidade inigualável o que há de mais complexo na alma humana. Não é à toa que Itamar gravou um disco em homenagem a Ataulfo: ambos falavam, a seu modo, das mesmas coisas. A rotina da vida a dois, as agruras do trabalho, o desejo de ascenção social… tudo isso está presente na obra de ambos. E o melhor: de uma maneira simples e direta. Ataulfo, à sua maneira, revolucionou o samba. A Itamar coube revolucionar o que se convencionou chamar de MPB, pena que poucos perceberam isso. Ataulfo foi-se celebrado, o nego-dito foi-se quase esquecido…

Evoé, Ataulfo Alves e seu centenário! (1909 – 2009)

Evoé, Itamar Assumpção e seus sessenta anos de nascimento! (1949 – 2009)

Minha singela  homenagem:

“Laranja Madura”, um clássico fundamental de Ataulfo Alves no arranjo soul de Itamar com participação de outro maldito – Jards Macalé; recriando o clássico samba-canção da música brasileira.

Laranja Madura (Ataulfo Alves)

Ouça aqui!

Você diz que me dá casa e comida
Boa vida e dinheiro pra gastar
O que é que há, minha gente o que é que há
Tanta bondade que me faz desconfiar
Laranja madura na beira da estrada
Tá bichada Zé ou tem marimbondo no pé

Santo que vê muita esmola na sua sacola
Desconfia e não faz milagres não
Gosto de Maria Rosa mas quem me dá prosa é Rosa Maria
Vejam só que confusão

Laranja madura na beira da estrada
Tá bichada Zé ou tem marimbondo no pé

“Sutil”, uma das mais belas canções de Itamar Assumpção, na voz da melhor cantora em atividade no Brasil, a divina Ná Ozzetti.

Sutil (Itamar Assumpção)

Ouça aqui!

Sendo fim também és
Tu és meio e começo
Sim e não, norte e sul
Direito avesso
Você me seduziu desde o inicio
Sendo assim porém fica mais difícil

É muita luz pra pouco túnel
É muita areia para o meu caminhãozinho
Meu bem eu morro de ciúmes até do sol
Que bronzeia você com carinho
Algo me diz pra ser sutil
Não faço idéia mas me resta um caminho
Pedir socorro teu perfume é fatal
Quanto as patas de um felino

Pode parecer incrível
Me deu na telha te dar meu coraçãozinho
Além de entregar meu telefone e o ramal
Ligues rapidinho

Ser feliz é bem possível
A lua cheia me reduz a pedacinhos
Eu viro prata, viro loba
Eu viro viro vampira
Viro menina

Uma resposta to “Ser feliz é bem possível…

  1. Eduardo Britto Says:

    Que dupla!
    Puros e duros feito diamantes.
    Difícil se deliciar musicalmente dessa maneira, seja para aonde nossos ouvidos possam fugir.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: